Home Sobre Mim Resenhas Colunas Contato Parceiros

Série: 13 reasons why


 Oioi, gente! Hoje eu estou aqui para falar sobre essa tão comentada série que está chamando a atenção de muita gente e que vale muito a pena conhecer. Quem acompanha o blog, sabe que eu não costumo ver muitas séries americanas, mas essa aborda um tema muito importante mesmo e eu precisava ver.


 Para quem ainda não sabe, nessa série vamos conhecer Hannah Baker, ela se suicidou e deixou 13 fitas gravadas com o motivo de ter feito isso, sendo cada fita sobre uma pessoa que foi um dos porquês.
 A série se inicia com Clay recebendo as fitas, ele trabalhou com a garota e era amigo dela, embora sempre diga que não a conhecia bem. E então vamos acompanhar ele descobrindo tudo sobre os motivos que levaram Hannah à se matar e também o motivo dele estar numa dessas fitas.


 Apenas isso resume bem a ideia da série, mas não se engane achando que é uma história simples, a mesma vai te causar um turbilhão de sentimentos, pois é realmente muito impactante acompanhar tudo e é de extrema importância que as pessoas parem para dar atenção à essa história, pois ela relata algo muito real.
 Hannah sofreu muito bullying na escola e coisas que para muitas pessoas parece apenas brincadeira e algo pequeno quando acumulado pode fazer alguém transbordar e tomar atitudes como a de Hannah. Por essa razão ver o quanto essas brincadeirinhas machucaram a personagem faz com que a gente pare para refletir, seja para pensar se nós não fizemos algo assim ou para pensar se não presenciamos alguém passando por algo assim.
 É extremamente doloroso ouvir as fitas e por esse motivo dá para entender a demora de Clay para escutá-las, pois Hannah sofreu muito mesmo e só alguém com o coração muito duro não vai se sentir triste com a situação, porque embora a Hannah dessa história não exista, há várias garotas e garotos como ela por ai.


 Essa série também vai falar sobre abusos, vamos ver várias cenas de diferentes formas de abuso, principalmente com mulher, e quem é uma pode se identificar em vários momentos, pois infelizmente ainda vivemos em um mundo extremamente machista em que os abusos contra nós são feitos com frequência e é algo tão terrível que a gente fica sem reação.
 Há outros diversos assuntos que são abordados na história, seja diretamente ou nas entrelinhas e todos são importantes, por essa razão a série está recebendo tanto destaque, porque ela aborda assuntos que todos precisamos parar para falar sobre. Alguns talvez achem que muita coisa foi abordada de forma muito pesada, mas creio que a intenção era ser pesado mesmo, para chocar de verdade, principalmente a cena em que a Hannah se mata na banheira.


 A Hannah é uma personagem tão amável e por essa razão dói ainda mais acompanhar sua história, porque a gente acaba sendo conquistado por ela logo de cara. A personagem é uma ótima amiga, determinada, divertida, esforçada e possui mais diversas qualidades, só que ninguém parecia notar isso nela e ela acabou também não vendo o quanto era especial.
 Clay é simplesmente um amor de garoto, mas em vários momentos eu queria brigar com ele, pois não conseguia entender o motivo dele ser tão indiferente quando via Hannah sofrendo, mas na maior parte da história dá para entender o personagem.
 Os outros também foram bem desenvolvidos, sendo que todos possuem uma história e a gente vai conhecer elas também, sendo algumas de cortar o coração, mas alguns personagens serão realmente odiosos, enquanto outros vamos conseguir entender um pouco.


 Do começo ao fim essa série é um grande alerta, algo para abrir os olhos das pessoas para o bullying e o suicídio, uma história que vai fazer muita gente parar para repensar muita coisa e tentar ser um pouco mais empático, porque realmente a gente nunca sabe o que está acontecendo na vida da outra pessoa.
 Essa série mexeu muito comigo e eu poderia falar sobre muitos outros pontos da história, mas para entender o quanto essa série foi bem produzida e o quanto ela é importante só vendo mesmo.
 Enfim, eu recomendo essa série para todos, pois é muito importante que paremos para olhar com atenção algo assim, sejamos pais, professores ou apenas colegas de sala/trabalho.

NÃO SEJA UM PORQUÊ!

Deixe um comentário:

  1. Ola
    Assisti a série em apenas um dia, assim que lançou na netflix e fiquei muito empolgada. É uma história muito especial, assim como o livro, e que merece muito destaque, por conta de uma temática tão séria. De fato, é um grande alerta para a sociedade mesmo. Impossível não perceber o quão marcante são os personagens e a trama d emodo geral. Adorei seu post e estou ansiosa pela 2 temporada, já sabia mesmo antes de anunciar que deixaram uma ponta para isso.
    Beijos, F

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Assisti a pouco tempo os episódios por ter ficado extremamente curiosa já que não se falava mais em nada senão nessa série nas redes sociais.
    Hannah é uma personagem muito amável e realmente dói ver tudo o que ela sofre. Muitas pessoas podem dizer que não era motivo suficiente para que cometesse tal ato, mas ninguém pode julgar o quão afetada ela ficou com os abusos que sofreu.
    Estou mega ansiosa para a 2ª temporada.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  3. Oie, tudo bom??
    Estou louca para começar essa série, porém ganhei o livro em um sorteio e estou esperando chegar pra ler primeiro, pois acredito que me dará um contexto melhor pra quando resolver assistir. AMo muitos dos atores envolvidos, estou bastante empolgada! :3

    ResponderExcluir
  4. Essa série é foda, incrivelmente foda. simplesmente.
    Comecei a assistir ela com medo da intensidade dos episódios, e não conseguia assistir mais de dois por dia pois cada fita mexia muito comigo com as situações que hanna enfrenta.
    É uma série que nos faz pensar muito em nossas ações e nas coisas que fazemos ou não para ajudar o próximo.
    Espero a segunda temporada agora para saber mais dos outros personagens

    ResponderExcluir
  5. Oi, Larissa!
    Que série incrível! Li o livro em 2014 e adorei. Estava louca esperando por um filme ou série. Fique feliz por ter vindo uma série, pois assim teríamos uma visão muito melhor das coisas.
    A série veio para abrir os olhos. Não podemos deixar certas coisas passarem em branco, não é?
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Essa série foi muito intensa para mim. A gente nunca imagina que pode ser um porquê, né? A gente sempre imagina que para ser um porquê precisamos participar diretamente do bullying ou da agressão, mas pelo simples fato de rirmos de uma piada de mal gosto ou ignorarmos o sofrimento do outro, já nos faz ser um porquê. Nesse aspecto a série me fez refletir bastante e eu comecei a recomendar ela para todo mundo kkk estou super ansiosa pela segunda temporada.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. OIe,
    Assisti á série, assim que foi lançada e esta no seu boom. Sinceramente eu fiquei destruída por dois dias depois de assistir. Nunca passei por nada parecido com a Hannah, mas fiquei muito pra baixo. Não recomendo a série para ninguém, principalmente para quem é mais sensível ou sofre de algum problema psiquiátrico. A série foi muito bem produzida, com um bom elenco, mas ignora diversas recomendações da OMS (organização mundial da Saúde) quando se fala de suicídio.
    Beijos
    Blog Relicário de Papel

    ResponderExcluir
  8. Hey!

    Eu ouvi tanto dessa série que já não aguento mais, confesso. Não assisti e nem pretendo, considero o assunto de extrema importância mas prefiro ler o livro e tirar minha conclusões baseada nele. Gostei muito do posto, o fato de você trazer uma série bem polêmica, pois apesar de todo o barulho que ela fez na mídia poucos lugares ousaram falar sobre publicamente e aceitaram a ideia de "Não seja um porquê" ou "Precisamos falar sobre suicídio" sem base alguma.

    Bjos.

    ResponderExcluir
  9. Oi. :)
    Não tive tempo de assistir essa série, mas foi bem comentada e divulgada. Só ouvia falar dessa série, acho que só eu q ainda não assisti rs.
    Adorei o post, vamos ver se consigo atualizar minhas séries e começar essa nas férias.
    Obrigada pela visita no Blog As Meninas Que Leem Livros.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  10. Olá!!
    Ainda não assisti a série pois quero ler primeiro o livro,O que ocorrerá nos próximos dias,Só vejo comentários positivos com relação ao livro e série mesmo sendo um tema pesado.

    Livro ao Avesso.

    ResponderExcluir
  11. Olá!

    Assisti alguns episódios e amei! intercalei com uma leitura sobre suicídio " O último Adeus" e foi demais para mim...

    Adorei sua review , quem ainda não assistiu vai ficar mto curioso por conta dela! ficou ótima! Temos que falar sobre esse assunto cada vez mais, é necessário observar todos os detalhes antes que seja tarde demais.

    Beijos
    Jess
    www.pintandoasletras.com.br

    ResponderExcluir
  12. Olá!!

    Apesar de tantos comentários, tanto positivos, quanto negativos sobre a série, eu confesso que adorei. Acho sim que existe um grupo de pessoas que não deveriam ter contato com a mesma, mas acho que muitas pessoas poderiam "aprender" assistindo a série. Achei que uma coisa muito boa que veio a partir de 13 Reasons Why foi que depois ela todos começaram a falar sobre os assuntos que a série aborda. E isso, para mim, foi muito bom.

    ResponderExcluir
  13. Oie! Tudo bem?

    Eu amei demais essa série, e concordo com você em relação a parte pesada, foi necessário para poder chocar e fazer muitas pessoas caírem na real, eu já passei por situações parecidas com a da Hannah e sei o que ela sentiu em certas partes e é bem ruim mesmo, por isso espero que a série tenha conseguido alcançar seus objetivos alertando as pessoas sobre isso.

    BJss

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Eu assisti apenas 6 episódios da série até agora, não porque não tenha gostado mas porque sou enrolada para ver séries mesmo hahaha, mas estou gostando muito. É realmente muito chocante e em vários momentos me peguei refletindo sobre coisas pequenas que a gente faz todos os dias que pode afetar alguém de alguma forma e, que na maioria das vezes, a gente nem percebe que fez. Quero assistir mais, com certeza :)

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Estou adiando pra ver essa série porque li o livro e tenho medo que acabe me decepcionando rsrs.
    Enfim, na época em que li me marcou bastante por tratar de assuntos tão sérios como o bullying, suicídio, abuso e outros. Fico um pouco preocupada para quem sofre disso e encare a série como um "gatilho". Já para quem convive com pessoas sofrendo é uma ótima lição, pois é de fato para alertar e mostrar que não é brincadeira ou "falta do que fazer".
    Gostei do seu ponto de vista e assim que criar coragem irei maratona-la ;)

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?
    Há poucas semanas eu fiz maratona dessa série e realmente, possui um conteúdo bem reflexivo, emocionante e pesado. É impossível sair ileso de cada um dos episódios, especialmente os finais. O pior de tudo foi perceber que ela era realmente uma personagem muito amável, tanto que é difícil saber o porquê de não existir sequer uma pessoa da escola que pudesse ficar ao seu lado, ser sua amiga de verdade. Enfim, fiquei bem contente com a popularização da série, pois gerou muitos retornos positivos.

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  17. Que série pesada!!
    Não consegui passar do terceiro episódio.
    E sei que só piora... Tem que ter muita força pra assistir. São assuntos que precisam ser falados mesmo e acho bom o debate que a série levantou, mas não consigo ver...

    ourbravenewblog.weebly.com

    ResponderExcluir
  18. Oie...
    Adorei suas impressões sobre a série...
    Ainda não tive oportunidade se assistir a série, mas, já faz uns dois anos que li o livro e verdadeiramente AMEI! O livro passa um turbilhão de emoções e chega a dar aquela vontade de entrar no livro e salvar Hannah... Pelos seus comentários parece que a série foi muito bem adaptada ;)
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Olá!
    Adorei a sua postagem! De fato, eu fui me alegando a Hannah a cada episódio que passava, e quando ela se mata dá um aperto tão grande no nosso peito, que é realmente muito triste ver tudo o que fizeram com ela.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  20. Oiee Lari ^^
    Ver a Hannah sofrendo é de partir o coração, né? Assim como o Clay fez com as fitas, eu demorei o máximo que pude para assistir os episódios, porque sabia que ia ser um tiro atrás do outro. Já tinha lido o livro, mas ele não mostrava o que a série mostrou, então mesmo que soubesse a história, eu fiquei chocada e surpresa. Queria bater no Clay por ser tão lerdo e não fazer nada enquanto a Hannah sofria bullying, e queria socar todo mundo.
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  21. Eu terminei este série.com o mesmo sentimento de amor e ódio que tocou algumas pessoas com relação a ela.o bullying a depressão por mais que falamos a respeito nunca vai ser. O suficiente
    Janna se quebra e nos quebra junto com ela.
    Muitos sentimentos misturados
    A série tem o seu lado lúdico mas tbm tem lado cru e pesado quando mostra o suicídio dela.foi pesado acho que não precisava ser tão real.mas tbm fico no dilema me perguntado se relamente não precisava rsrsrs
    Parabéns pela crítica.ficou otima

    ResponderExcluir
  22. Olá! Eu adorei a resenha, não consegui assistir a série inteira ainda, mas a sua escrita definitivamente me motivou a termina-la.

    Adorei revisitar o seu blog e ver que tudo mudou, parabéns!

    Grande abraço,
    Victor N Souza
    www.cafeidilico.com

    ResponderExcluir

 
Criado por: Bruna Borges || Todos os direitos reservados || Tecnologia do Blogger